Quarta-feira, 21 de Abril de 2004
Alcatra à Moda da Terceira

alc.jpg

Alcatra à Moda da Terceira
Colaboração de Andreia Guerreiro

Ingredientes:



  • 0.5 l de vinho tinto
  • 3 Kgs de carne
  • 200g de toucinho de fumo
  • 4 cebolas grandes
  • 1 colher de sopa de banha
  • 1 colher de sopa de margarina ou manteiga
  • cravinho em baga (+/- 6)
  • sal

Confecção:

A carne é cortada aos bocados (tipo quadrados), assim como as cebolas são cortadas ás rodelas e o toucinho aos cubinhos pequenos.
Deve-se  usar um tacho de barro (obrigatório!!).
Põem-se a banha e o toucinho, uma camada de carne, a manteiga e uma camada de cebola, o sal, cravinho e outra camada de carne acabando com uma camada de cebola.
No fim rega-se com o vinho, sem deixar cobrir o tacho todo.
Vai a cozer no forno em lume brando (+/- 3horas).

A Alcatra é acompanhada com o pão doce típico da ilha, ou então com pão.
Há quem faça arroz, mas não é à moda da Terceira.



publicado por sys.systen às 21:33
link do post | comentar | favorito
|

7 comentários:
De Anónimo a 17 de Fevereiro de 2005 às 06:54
o blog esta otimo a traducao da alcatra esta pessima nao se pode traduzir o nome de uma ilha o nome de uma pessoa ou de um pais .alcatra of terceira fashion e nunca the third,tem muitos jose francisco e manuel quando chegam a america passam a se chamar joe frank manny thats bullshet, para issoe presiso trocar o nome quando se tira os papeis isso sao americanices..nos nao esiste nenhuma com o nome the third the gracious nem the hawck nem the flowers nem the montain o que esiste sao nove perolas que eu amo xoxoxoxoxoxoxox. edu
</a>
(mailto:angrac@hotmail.ca)


De Anónimo a 16 de Fevereiro de 2005 às 13:15
nao sou professor nem de engles nem de portugues mas quando veijo algo de errado gosto de corrigir por esmplo << i was born on the island of terceira,not the third>> i make alcatra with red wine not whit wine tinto. for un exanple i will visit the island of the woods. e pa aonde e que fica isso this weekend i go to the island of hawk aonde e que fica isso .nao vamos mais longe .you can not traslate yor last name ever. so long antonio
</a>
(mailto:afartura@100hotmail.com)


De Anónimo a 4 de Maio de 2004 às 10:10
Não sei porquê, no comentário anterior, não aparece o link que fiz ao meu blogue:
http://professorices.blogspot.com/
E as minhas desculpas pelos erros de escrita. Estou com um problema com a tecla "shift"!JVCosta
(http://professorices.blogspot.com)
(mailto:jvcosta@netcabo.pt)


De Anónimo a 4 de Maio de 2004 às 10:06
Meu caro blogger:
Algumas anotações, com crítica amigável, à sua receita de alcatra. É preciso especificar bem a carne. Deve ser uma mistura de um pouco de carne gorda, para molho, do tipo do cachaço e o resto é carne que se desfie, o que, no fim, dá o aspecto típico. aqui no continente, chama-se mesmo carne de alcatra, mas creio que, nos Açores, é rabadilha. O outro ponto é o vinho. De facto, na cozinha popular usa-se vinho de cheiro, mas na cozinha aristocrática-burguesa usa-se vinho branco e a diferença de delicadeza do assado é apreciável. Na casa dos Bruns dos Biscoitos, amigos da minha família, até se fazia a alcatra com vinho dos Biscoitos. A seguir, vem o tacho de barro. Por favor, não dê essa indicação tão genérica aos leitores continentais. tem que ser mesmo o típico alguidar de alcatra. O seu formato, alto e com área aberta relativamente pequena é essencial para a assadura correcta. parece-me que está também a indicar a colocação do toucinho de fumo em peça no fundo. Correctamente, é aos pedaços pequenos e alternando com as camadas de carne, cebola e manteiga. Os continentais também não sabem que cravinho é diferente do que se usa cá. O quye se chama cravinho na Terceira é à pimenta da Jamaica. Finalmente, uma alcatra de 3 kg em 3 horas! pelo menos 6, mexendo com frequ~encia e acrescentando um pingo de água de vez em quando.
Não leve a mal estas críticas, a bem da preservação das nossas tradições, por que tenho lutado no meu blogue professorices (http://professorices.blogspot.com). Apesar de micaelense, a minha família materna é terceirense e gosto tanto da Terceira como de S. Miguel. por isto, vou estar atento ao seu blogue. Votos de sucesso para ele.JVCosta
(http://professorices.blogspot.com)
(mailto:jvcosta@netcabo.pt)


De Anónimo a 28 de Abril de 2004 às 13:32
Pensei que fosse mais difícil.
Agora tb já sei fazer, vai ser um sucesso!!!TóZé
(http://ilhas.blogspot.com)
(mailto:aja@meloabreu.pt)


De Anónimo a 27 de Abril de 2004 às 23:45
Que bom ter mais conterrâneos na blogosfera. E logo com um gosto em comum: Divulfar a nossa Terceira e falar sobre ela. Bem vindos.
Miguel de Sousa Azevedo (no Porto)Miguel de Sousa Azevedo
(http://www.portodaspipas.blogs.sapo.pt)
(mailto:porto_das_pipas@hotmail.com)


De Anónimo a 27 de Abril de 2004 às 12:25
Olá
Que bom encontrar mais um blog dos Açores, se me permites vou colocar o teu link no meu blog.
Divulgas muito bem a tua ilha, parabénsAlma de Poeta
(http://binoculodopicoalto.blogs.sapo.pt)
(mailto:Mulher_Mariense@sapo.pt)


Comentar post